Províncias

Mais sensibilização sobre segurança e direitos humanos

Victorino Matias | Dundo

As acções de sensibilização sobre segurança e direitos humanos nas comunidades residentes nas áreas de exploração diamantífera vão ser reforçadas, na sequência de um projecto social lançado sexta-feira,

 no Dundo, numa iniciativa das organizações não-governamentais  Associação Juvenil para o Desenvolvimento Comunitário em Angola (AJUDECA) e Search For Common Ground.
O projecto social, denominado “Junto Podemos”, terá a duração de quatro meses e vai ser implementado através de palestras e peças teatrais no seio das comunidades.
Durante a cerimónia de apresentação, o coordenador nacional da AJUDECA, Filipe Paulo, disse que o projecto visa também aumentar o nível de conhecimentos e de consciência dos organismos do governo da província, empresas extractivas, forças de segurança e empresários, de modo a evitar-se violências gratuitas no seio da população que pratica o garimpo ilegal. Um dos objectivos é fornecer bases de modo a permitir a colaboração entre empresas extractivas e a comunidade, evitando conflitos entre os sectores que possam usufruir os benefícios provenientes da exploração de recursos naturais.

Tempo

Multimédia