Províncias

A importância do diálogo na solução dos problemas

Luísa Victoriano | Malange

O número elevado de mulheres detidas nos establecimentos prisionais de Malange por crimes de violência doméstica preocupa a direcção Provincial da Família e Promoção da Mulher (DIFAMU), disse numa palestra a responsável do sector.

Aumenta número de mulheres na cadeia
Fotografia: Jornal de Angola

Antónia Maiato, que falava sobre “ A Lei de Violência Doméstica”, no âmbito das comemorações do Dia de Activismo Contra a Violência de Género, que se comemora na segunda-feira, considerou preocupante a situação de muitas reclusas, com idades entre os 18 e os 45 anos,  acusadas de crimes graves.
Para resolver a situação, referiu, é preciso fazer que as mulheres privilegiem o diálogo em detrimento da violência.
A oradora salientou a importância de se encontrarem formas para combater a violência doméstica e outros crimes, cujas causas muitas vezes são o desemprego, a desestruturação das famílias e a falta de diálogo. Antónia Maiato disse que a mulher “é a base fundamental da família”, com “o papel determinante no lar” de educar os filhos “de forma a evitar o aumento de criminalidade”, entre a qual se conta a violência doméstica.
A Lei sobre a violência doméstica, lembrou, permite  punir os infractores e ajuda à mudança de comportamentos. A oradora pediu que se privilegie o diálogo para se garantir a estabilidade nas famílias e se  denunciem os casos de violência de género.Durante a campanha Activismo Contra a Violência de Género, iniciada em 25 de Novembro, Dia Internacional de Não Violência, instituído em 1981,  em Bogotá, e que termina na terça-feira, a Direcção Provincial da Família e Promoção da Mulher realizou várias actividades, entre as quais palestras e visitas a estabelecimentos prisionais.
 A directora do DIFAMU anunciou que este ano até Julho foram registados  111 casos de violência doméstica, principalmente ofensas corporais, fuga aos deveres de paternidade, abandonos de lar e falta de assistência aos filhos.

Tempo

Multimédia