Províncias

Administração de Malange entrega parcelas de terreno

Venâncio Victor | Malange

Ao  todo, 1.430 famílias da Quizanga e Vila Matilde, afectadas pelas chuvas que caíram, recentemente, na cidade de Malange, vão receber terrenos para a construção de casas, disse, na sexta-feira, ao nosso jornal, o administrador municipal adjunto.

As fortes chuvas deixaram mais de mil famílias sem abrigos na Quizanga e Vila Matilde
Fotografia: Armando Cunha

Ao  todo, 1.430 famílias da Quizanga e Vila Matilde, afectadas pelas chuvas que caíram, recentemente, na cidade de Malange, vão receber terrenos para a construção de casas, disse, na sexta-feira, ao nosso jornal, o administrador municipal adjunto.
Gabriel Pontes afirmou que estão já identificados os locais onde as vítimas das chuvas, que se encontram alojadas em tendas nos centros de acolhimento da Vila e Quizangapara, vão construir as casas.
O processo de identificação dos terrenos, referiu, tem a participação das autoridades tradicionais das áreas afectadas.
O director provincial de Malange do Ministério da Assistência e Reinserção Social (MINARS), José Quicuca, reiterou o compromisso daquele organismo de dar às famílias bens de primeira necessidade.
O coordenador executivo da Protecção Civil e Serviço de Bombeiros, subcomissário Domingos Moniz, disse estarem criadas as condições para garantir a ordem e a tranquilidade pública nos centros de acolhimento instalados no bairro da Quizanga e Vila Matilde.
Na semana passada, a miss Malange, Edmilza dos Santos, entregou às vítimas das enxurradas um donativo composto por bens de primeira necessidade.
O governo provincial, no âmbito do programa de autoconstrução, está a entregar de material de construção.

Tempo

Multimédia