Províncias

Alfabetizadores em Malanje reforçam o ensino de adultos

Luísa Victoriano | Malange

Mais de 50 pessoas dos 14 municípios de Malanje estão agora melhor preparadas para dar aulas de alfabetização, depois de terem participado no primeiro ciclo de formação de formadores sobre o método “Sim, eu posso”, que teve como objectivo facilitar a aprendizagem dos alunos, no âmbito do Programa de Alfabetização e Aceleração Escolar, levado a cabo em todo o país pelo Ministério da Educação.

Aumenta na região o número de adultos interessados em aprender a ler e escrever
Fotografia: Jornal de Angola|

A acção formativa durou três dias, sob orientação de especialistas cubanos.
Foram abordados durante o seminário temas teóricos e práticos, relacionados com o método “Sim, eu posso” dos módulos 1,2 e 3 do ensino primário, educação de adultos e ensino geral.
O assessor do Ministério da Educação para a área de alfabetização da cooperação cubana, Alfredo Fuentes, disse que a formação vai facilitar e dinamizar o processo de aceleração escolar e melhorar as técnicas de ensino de adultos. O método “Sim eu posso”, usado em 28 países, está a facilitar a aprendizagem de muitos adultos, acrescentou.
O director provincial da Educação, Ciências e Tecnologia disse que o país e a província de Malanje, em particular, têm vindo a registar progressos significativos no combate ao analfabetismo. Gabriel Boaventura garantiu que este método, adoptado pelo Ministério da Educação em todo o país, está a permitir reduzir os níveis de analfabetismo, a melhorar a vida da população e a combater a pobreza.

Tempo

Multimédia