Províncias

Centenas de cidadãos estão a ser alfabetizados

Pelo menos 300 cidadãos da comuna do Lombe, município de Cacuso, a 75 quilómetros da cidade de Malange, iniciaram na terça-feira aulas de alfabetização no primeiro módulo, promovidas pela Organização Não-Governamental “Jangos da aprendizagem”, no âmbito de uma parceria com a repartição local de Educação.

Pelo menos 300 cidadãos da comuna do Lombe, município de Cacuso, a 75 quilómetros da cidade de Malange, iniciaram na terça-feira aulas de alfabetização no primeiro módulo, promovidas pela Organização Não-Governamental “Jangos da aprendizagem”, no âmbito de uma parceria com a repartição local de Educação.
Segundo o chefe de secção de alfabetização do município, Manuel Hebo, as aulas terão a duração de três meses, realçando que e as mulheres são as que mais aderem ao processo, manifestando muita vontade em apreender a ler e escrever.
Para o êxito dos trabalhos, 10 professores afectos ao “Jango da Aprendizagem” vão garantir as aulas em dois períodos, sendo um das 6 às 8 horas e outro das 17 às 18 horas, uma vez que muitos alfabetizandos têm outras ocupações.
Manuel Hebo salientou que no município já foram alfabetizados, desde 2009, no primeiro módulo, 1.370 cidadãos, acrescentando que e a falta de professores faz com que o segundo e o terceiro módulos não arranquem.
No acto de abertura do processo de alfabetização, o administrador municipal de Cacuso, Furtado Azevedo, disse que a iniciativa se enquadra no âmbito do programa de aceleração escolar implementado pelo Ministério da Educação, com vista a combater o analfabetismo nas comunidades.

Tempo

Multimédia