Províncias

Concluídas em Malanje dezenas de habitações

Casas sociais inseridas no plano de requalificação do município de Luquembo, na província de Malanje, foram construídas em 2014, na sede municipal, no âmbito do programa de construção de 200 fogos por município em curso no país.

Construção de moradias contribuiu significativamente para a melhorai da imagem da Vila
Fotografia: Santos Pedro

O administrador municipal de Luquembo, Alcino Siabala Cabeto, disse à Angop que além proporcionar condições de habitabilidade para os quadros da função pública, as 25 moradias ajudaram também na melhoria da imagem da vila do município.
Alcino Cabeto referiu que o programa habitacional prevê a construção de mais residências e a seu tempo são contemplados os beneficiários.
O programa da Administração prevê também a construção de infra-estruturas desportivas, culturais e escolares.
O empreiteiro encarregado da execução das obras dos 200 fogos no município, Jorge Sassassa, garantiu que até ao primeiro trimestre de 2015 são concluídas pelo menos 70 por cento das habitações sociais.
Os compromissos assumidos são honrados, visando não só cumprir as cláusulas contratuais, como contribuir para o desenvolvimento infra-estrutural do município.
Com seis comunas, Dombo Wazanga, Rimba, Capunda, Quimbango, Cunga Palanca e a sede municipal, o município de Luquembo ocupa uma extensão de 10.971 quilómetros quadrados e tem uma população estimada em 32 mil habitantes, com a agricultura como principal fonte de subsistência, dedicando-se fundamentalmente ao cultivo de batata-doce, mandioca, milho e ginguba.

Tempo

Multimédia