Províncias

Consumo de café baixou

Venâncio Victor| Malanje

O consumo do café está a ser abandonado por muitos cidadãos de Malange, que optam pelo consumo do leite e do chá, como apurou a reportagem do Jornal de Angola junto das velhas vendedoras no mercado da Xauande.

Consumo de café está a ser abandonado por muitas pessoas que optam pelo leite ou chá
Fotografia: NUno Flash

O consumo do café está a ser abandonado por muitos cidadãos de Malange, que optam pelo consumo do leite e do chá, como apurou a reportagem do Jornal de Angola junto das velhas vendedoras no mercado da Xauande.
Imaculado Pedro, de 40 anos, vendedora de café desde os anos 90, disse que actualmente o produto deixou de ter concorrência em relação a períodos anteriores, tudo porque a falta de oferta levou a que muitos tivessem esquecido a sua importância.
A guerra fratricida que assolou o país inviabilizou o cultivo e a consequente comercialização do produto, fazendo decair o produto. “As pessoas perderam o hábito do consumo do café. Por isso, raramente se vêem a comprar café na região”, disse.
Imaculada revelou que o café em pó, que é comercializado a retalho nos mercados de Malange, vem maioritariamente das províncias do Uíge e Luanda, mas em pequenas quantidades. Os preços praticados pelas vendedoras no mercado da Xauande variam entre 200 e 300 kwanzas o quilo, mas ainda assim clamam pela falta de procura.
Alguns munícipes interpelados pelo Jornal de Angola reafirmaram a perda do antigo costume de beber uma chávena de café. Elizeu Gambôa, funcionário público, disse que muita gente não o bebe ao pequeno-almoço, desde que ficaram a saber que da sua composição faz parte a cafeína. Tal substância, disse, “é nociva à saúde mental das pessoas”. Acrescentou que, devido a essas influências negativas para o organismo humano, determinadas pessoas abandonaram o costume de o beber. Por outro lado, fez questão de sublinhar que o”bago vermelho” não tem as mesmas propriedades nutritivas do leite.
Diferente opinião tem Gabriel Santos, para quem o consumo do café traz alguns benefícios ao organismo. Argumentou que ajuda a combater a hipertensão e permite resistir à fome.
Recorde-se que o café constituiu uma das mais importantes fontes de riqueza agrícola do país, estando actualmente a sua cultura em fase de relançamento.

Tempo

Multimédia