Províncias

Crédito dá vida à agricultura

Sónia Maria | Caculama

O administrador municipal de Caculama, Miguel Serrote Gio, afirmou ontem que o crédito agrícola de campanha, concedido às associações e fazendas agropecuárias, está a dar um grande impulso ao desenvolvimento da actividade naquela localidade.

O administrador municipal de Caculama, Miguel Serrote Gio, afirmou ontem que o crédito agrícola de campanha, concedido às associações e fazendas agropecuárias, está a dar um grande impulso ao desenvolvimento da actividade naquela localidade.
Miguel Serrote Gio fez esta declaração durante uma actividade de campo, que visou constatar o desenvolvimento da actividade agrícola e encorajar os camponeses do interior de Caculama a aumentarem os níveis de produção.
O município de Caculama, a cerca de 54 quilómetros da sede provincial de Malange, dispõe de grandes potencialidades para a prática da actividade agropecuária, devido os seus solos aráveis, referiu o administrador.
Durante a sua jornada de campo, o administrador Miguel Serrote Gio efectuou visitas à comuna do Caxinga, onde constatou o funcionamento das fazendas agropecuárias “Havemos de Voltar”, “Buila” e “Gouveia & Filhos”. />Adão Duarte, proprietário de uma das fazendas visitadas, destacou a importância do sector agrícola em prol do desenvolvimento socioeconómico das sociedades. Para ele, a agricultura desempenha um papel muito importante para qualquer região, daí a necessidade de se trabalhar para a melhoria da actividade.
O fazendeiro apontou a construção de um posto médico, uma escola e uma loja, como acções previstas para ajudar o governo a melhorar as condições de vida dos habitantes do município.
Na actividade de campo realizada, o administrador, que se fez acompanhar do seu adjunto, Noé Rapane, e de membros do conselho municipal de auscultação e concertação social, mostrou-se satisfeito com as obras sociais em curso na comuna de Muquixi.
As principais culturas alimentares, em Caculama, são a mandioca, batatas doce e rena, milho, inhame, tomate, cebola, pepino, repolho, couve, cenoura, feijão e ginguba.

Tempo

Multimédia