Províncias

Destacado o papel das igrejas em prol da defesa das crianças

Venâncio Victor| Malanje

O governador provincial de Malange enalteceu, na terça-feira, no município da Cangandala, a colaboração das várias denominações religiosas na protecção e promoção dos direitos da criança na região.

O governador provincial de Malange enalteceu, na terça-feira, no município da Cangandala, a colaboração das várias denominações religiosas na protecção e promoção dos direitos da criança na região.
Boaventura Cardoso, que falava no acto provincial das comemorações do Dia Internacional da Criança, considerou imprescindível a defesa dos direitos dos menores para colmatar alguns males que ainda afligem esta faixa da sociedade.
As acusações de prática de feiticismo e as diferentes formas de violência exercidas sobre a criança, referiu, constituem males que a sociedade deve combater.
O governador provincial mencionou a violência verbal como a mais frequente das violências, que fere bastante a consciência dos menores.
O representante regional do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) lembrou que “a família, enquanto núcleo basilar de qualquer sociedade, tem o dever de cuidar da criança já que ela constitui um novo membro que surge no ambiente familiar”.
A família, disse Manuel Francisco, é chamada a proteger os menores contra a violência doméstica, combater o analfabetismo, o casamento indevido, as gravidezes precoces e evitar o trabalho comercial, entre outros problemas que impossibilitam o seu desenvolvimento.
O Unicef, como parceiro do Governo, frisou, tem um mandato, a nível das Nações Unidas, para apoiar todas as estratégias que visam a protecção da criança, adoptadas na convenção sobre os direitos dos menores, de que Angola é Estado membro desde 1990.
A protecção integral dos direitos da criança, acentuou, é obrigação dos Estados membros, que a devem garantir, com base em quatro princípios fundamentais: não descriminação, salvaguarda dos seus interesses maiores, direito à sobrevivência e desenvolvimento e respeito pelas suas opiniões.
A província de Malange vai acolher o acto central do Dia da Criança Africana, que se assinala no dia 16, anunciou Boaventura Cardoso.

Tempo

Multimédia