Províncias

Escolas de artes e ofícios com bons resultados

Luisa Victoriano | Malange

A província de Malange forma, durante o presente ano lectivo, 250 jovens nas especialidades de canalização, informática, contabilidade geral e corte e costura, revelou o director do Instituto Provincial do Emprego e Formação Profissional, Rui Bravo.

A formação profissional de jovens tem resultados animadores na província de Malange
Fotografia: Jornal de Angola |

A informação foi divulgada em Malange, na cerimónia de abertura do ano formativo profissional. Rui Bravo acrescentou que vão ser ainda formados jovens nas áreas da serralharia, carpintaria, mecânica geral, culinária e alvenaria. Rui Bravo disse que a formação está a permitir a inserção de jovens da província no mercado de trabalho, contribuindo para o processo de construção e reconstrução da província.
De acordo com o responsável da instituição, a formação vai ser realizada em simultâneo nos municípios de Calandula e Cangandala.
Os jovens agradeceram a iniciativa do Executivo em promover
cursos de formação profissional para melhor inserção no mer­cado de trabalho e garantiram tirar o melhor proveito dos cursos para obterem melhores resultados no final do curso. Os Centros de Formação Profissional em Malange formaram no ano de 2012, 823 jovens em diferentes áreas.  O chefe de departamento da Direcção Provincial da Administração Pública, Emprego e Segurança Social, Lindo Bernardo, disse que a promoção de formação nos centros da província está a contribuir para a preparação dos jovens para o mercado de trabalho.

Tempo

Multimédia