Províncias

Estudantes do Cuanza Sul em troca de experiências

Filipe Eduardo | Malanje

Estudantes e coordenadores de cursos do Instituto Médio A­grário do Porto Amboim, na província do Cuanza Sul, deslocaram-se, no fim-de-semana, à cidade de Malanje para participarem em encontros de troca de experiências com os homólogos do Instituto Médio Agrário.

Objectivo do projecto é melhorar o processo de ensino e aprendizagem nos dois institutos
Fotografia: Eduardo Cunha | Malanje

Durante os encontros, foram discutidos assuntos ligados às ciências agronómicas, bem como encontrar soluções para problemas comuns das duas instituições de ensino.
O coordenador das actividades e director pedagógico do Instituto Médio Agrário de Malanje, Gabriel António Simoli, referiu que o acto, além de juntar estudantes e coordenadores de cursos das duas províncias,  também permitiu o intercâmbio ­entre os responsáveis das direcções das referidas escolas, com realce para os professores, directores pedagógicos e secretários.
Gabriel Simoli afirmou que os participantes  discutiram os problemas ligados a todas as ciências ministradas nos dois institutos, como a produção vegetal, gestão agrária e construção civil.
Ao falar do aproveitamento dos estudantes da sua instituição, António Simoli diz ser positivo. Inaugurado em Junho de 2007, pelo Presidente da República, José Eduardo dos Santos, o Instituto Médio Agrário de Malanje, localiza-se na comuna do Quéssua, e possui uma população estudantil de 628 jovens de ambos os sexos. O Instituto Médio A­grário de Malanje ministra os cursos de produção vegetal, gestão agrária, electricidade e construção civil.

Tempo

Multimédia