Províncias

Governador pede atenção no atendimento hospitalar

O governador da província de Malange, Boaventura Cardoso, recomendou à nova direcção do Hospital Geral de Malange mais atenção e humanização na forma de atendimento dos pacientes que acorrem àquela unidade sanitária. 

O governador da província de Malange, Boaventura Cardoso, recomendou à nova direcção do Hospital Geral de Malange mais atenção e humanização na forma de atendimento dos pacientes que acorrem àquela unidade sanitária. 
Ao intervir na cerimónia de tomada de posse da nova direcção do hospital e de responsáveis da educação e outros sectores da função pública, Boaventura Cardoso afirmou que a unidade sanitária regista, nos últimos tempos, indisciplina e desobediência no tratamento dos pacientes. 
“Enquanto governantes, não ficamos descansados enquanto ouvirmos lamentações sobre a forma como o hospital funciona, como são atendidas as pessoas e outras situações que são do domínio de todos”, expressou.
O governador afirmou que existem problemas de gestão administrativa do hospital e que com a nomeação desta nova direcção se espera que a situação seja alterada, de forma a corresponder às expectativas. 
Por seu lado, a Direcção Provincial da Educação recomendou a adopção de medidas urgentes para resolver o problema dos professores recentemente admitidos, que não prestam serviços nos seus locais de trabalho. No município de Cacuso foram identificados 49 casos, situação considerada muito preocupante. Por isso, vão ser tomadas medidas urgentes no sentido de erradicar esta situação.

Tempo

Multimédia