Províncias

Instituto Agrário recebeu tractores

Francisco Curihingana | Malanje

O Instituto Médio Agrário de Malanje, na localidade do Quéssua, recebeu do Banco de Desenvolvimento de Angola (BDA) quatro tractores e as alfaias para as aulas práticas dos estudantes.

Novos meios vão fazer com que os estudantes de Malanje possam aliar a teoria à prática
Fotografia: Jornal de Angola

O representante do BDA, João Cunha, disse que o desenvolvimento da agricultura de um país passa pela modernização do sector. Salientou que a oferta dos tractores e alfaias vem permitir aos alunos do Instituto Médio Agrário de Malanje aliar a teoria à prática.
João Cunha informou que no quadro da visão estratégica do BDA está programada a execução de vários programas em Malanje, que vão beneficiar principalmente os jovens estudantes, formados no instituto agrário.
O responsável bancário referiu que é necessário formar bons técnicos, para que possam desenvolver as suas actividades sem grandes dificuldades. O governador de Malanje, Norberto dos Santos, reconheceu o gesto do BDA e aconselhou os estudantes a aprofundarem os seus conhecimentos, aliando a teoria à prática. Ao reconhecer as potencialidades de Malanje, em termos agrícolas, o governador lamentou ainda o facto da província e o país continuarem a importar produtos, como o arroz, tomate, cebola, feijão, quando o solo nacional é fértil. O BDA está a financiar, em Malanje, o relançamento da produção em grande escala do arroz, no município de Luquembo.

Tempo

Multimédia