Províncias

Jornalistas terminam formação sobre a violência na sociedade

Francisco Curihingana| Malange

O seminário sobre violência na sociedade destinado aos jornalistas dos órgãos públicos e privados das províncias de Malange, Lunda-Norte, Lunda-Sul e Kwanza-Norte termina hoje.

Repórter recebe certificado de participação num seminário do CEFOJOR
Fotografia: Eduardo Cunha

O seminário sobre violência na sociedade destinado aos jornalistas dos órgãos públicos e privados das províncias de Malange, Lunda-Norte, Lunda-Sul e Kwanza-Norte termina hoje.
Durante o seminário, os participantes, além das aulas, realizaram, ontem, uma excursão às Quedas de Kalandula e às Pedras Negras de Pungo Andongo, no município de Cacuso.
Durante a formação, os participantes abordaram temas como o “Papel da comunicação social no combate à violência na sociedade”, “A liberdade de imprensa e deontologia profissional”, “A violência sobre as crianças e o seu impacto na família e no desenvolvimento das crianças e dos jovens”. />Os promotores da acção realizaram ainda “Oficinas on-Job” de rádio, televisão e imprensa, que permitiram aos participantes abordar com maior profundidade os constrangimentos vividos ao longo do seu desempenho profissional.
O director do Centro de Formação de Jornalistas (CEFOJOR), Albino Carlos, enalteceu a participação dos jornalistas presentes na formação que decorreu em Malange e aconselhou a uma maior perspicácia e abnegação dos profissionais para responderem aos desafios do momento.
Para a cerimónia de encerramento, de acordo com o programa, é aguardado na província o vice-ministro da Comunicação Social, Miguel de Carvalho “Wadijimbi”.

Tempo

Multimédia