Províncias

Mais cidadãos em Malanje têm Bilhete de Identidade

Um total de 15.141 Bilhetes de Identidade foram emitidos, na cidade de Malanje, pelo posto fixo do Departamento Provincial de Identificação Civil e Criminal, durante o primeiro semestre deste ano, informou, na quarta-feira, o administrador de sistema daquele departamento.

Manuel Matamba esclareceu que o posto prevê emitir, até ao final deste ano, cerca de 40 mil Bilhetes de Identidade, referindo que o departamento encaminhou para os Serviços de Investigação Criminal documentos falsificados de cidadãos nacionais e estrangeiros que tentavam obter o Bilhete de Identidade.
“Não se trata do primeiros caso que se regista neste posto de identificação, por isso vamos continuar a estar vigilantes, porque os falsificadores pretende ao todo custo ludibriar as autoridades”, disse.
A chefe de departamento provincial do Arquivo de Identificação Civil e Criminal, Elisa Manuel, afirmou que a emissão de Bilhetes de Identidade para os cidadãos do interior da província tem sido feita através de postos móveis.

Valores morais

Estudantes do ensino médio e superior foram instados, na quarta-feira, na cidade de Malanje, a resgatar os valores morais e cívicos, visando a construção de uma sociedade próspera. O director provincial da Educação, Ciência e Tecnologia, Gabriel Boaventura, que falava na abertura das primeiras jornadas patrióticas estudantis da União Nacional dos Estudantes Angolanos (UNE-Angola), disse que se os estudantes forem os principais impulsionadores de práticas positivas “consegue-se ter um país cada vez mais harmonioso”.
 O presidente do Conselho Directivo da União Nacional dos Estudantes Angolanos (UNE-Angola), Fernandes Simão Cristóvão, disse que as jornadas visam incutir as boas regras de convivência e valores éticos, morais e cívicos aos estudantes.
“Os jovens devem ser patriotas, contribuindo com dinamismo, força, criatividade para a edificação do país”, disse o responsável.
Palestras nas escolas, campanhas de limpeza e embelezamento, um festival multidisciplinar e um acampamento provincial de estudantes do ensino médio no município de Kiwaba Nzoji constam da programação da União Nacional dos Estudantes Angolanos.
Estiveram presentes na abertura das jornadas patrióticas estudantis, que decorrem sob o lema “Jovens Conscientes na Preservação da Paz e Unidade Nacional”, membros do Governo Provincial, directores de escolas, autoridades tradicionais e estudantes.

Tempo

Multimédia