Províncias

Menos denúncias de violênca doméstica

Sónia Maria | Caculama

Os casos de violência doméstica no município de Caculama, província de Malanje, estão a diminuir consideravelmente fruto do trabalho de sensibilização das comunidades que a Repartição de Reinserção Social e  Promoção da Mulher levam a efeito desde o último trimestre no ano transacto.

Em relação ao ano passado estão a diminuir os desentendimentos que dão origem a casos de agressão física no município de Caculama
Fotografia: DR

O responsável da Repartição de Reinserção Social a nível do município, Neves Pango, disse que comparativamente a igual período do ano passado, os casos de violência conheceram uma redução na ordem dos sete casos durante o primeiro trimestre, no segundo trimestre houve menos cinco casos e no terceiro três casos, o que considerou satisfatório.
O trabalho das instituições religiosas está igualmente na base dos resultados positivos, disse Neves Pango, que realçou a satisfação da população pelo facto de estarem a diminuir os desentendimentos que acabam por dar lugar a violência. Neves Pango garantiu que esta actividade vai continuar em várias vertentes, entre esclarecimentos, palestras e trabalho de mobilização nas comunidades sobre a necessidade da convivência harmoniosa nos lares.
A grande preocupação da Secção da Promoção da Mulher no município de Caculama, disse, tem a ver com o número de gravidezes precoces nas adolescentes, um dos factores que propicia os casos de fuga à paternidade e incumprimento da mesada. Em seu entender, a poligamia tem criado embaraços aos homens nesta condição devido ao fraco poder financeiro que os impossibilita de apoiar os filhos de todos os relacionamentos. Neves Pango sublinhou que as palestras sobre o Código de Família e outros instrumentos que regulam o sistema no seio das famílias estão a surtir efeitos desejados.
Apontou a situação habitacional como  outra dor de cabeça para os homens que têm mais de uma relação conjugal, uma realidade que tem originado o desamparo extraconjugal no município.

Tempo

Multimédia