Províncias

Milhares de cães vadios aumentam casos de raiva

Filipe Eduardo | Malanje

Na província de Malange há cerca de 50 mil cães vadios que estão na origem do aumento de casos de raiva e de mordeduras de pessoas, principalmente de crianças, disse o responsável dos Serviços Veterinária.

População aconselhada a aderir à campanha de vacinação de animais que arranca em breve
Fotografia: Kindala Manuel

Luís Capitia acusou os donos daqueles animais, na maioria não vacinados, de os deixarem à solta pelas ruas, o que constitui um perigo.
A província de Malanje, lamentou, tem apenas um posto fixo de vacinação e 13 técnicos, dos quais somente três são especializados.
Além dos cães, macacos e gatos, referiu Luís Capitia, os Serviços de Veterinária realizam anualmente campanhas de vacinação de bovinos, ovinos e caprinos. 
Luís Capitia revelou que assim que os Serviços de Veterinária voltem a ter meios indispensáveis são recolhidos os animais encontrados nas ruas de Malanje.
Também anunciou que se realiza em breve em toda a província mais uma campanha de vacinação de animais, com a participação de técnicos dos serviços comunitários da Administração Municipal.

Tempo

Multimédia