Províncias

Milhares de crianças inseridas no ensino

Venâncio Victor | Malange

Mais de dezanove mil alunos da iniciação ao ensino pré-universitário estão matriculados no município de Kalandula, 85 quilómetros a Norte da sede capital da província de Malange, segundo o chefe de Repartição Municipal da Educação, Pinto Luciano Zua.

Mais de dezanove mil alunos da iniciação ao ensino pré-universitário estão matriculados no município de Kalandula, 85 quilómetros a Norte da sede capital da província de Malange, segundo o chefe de Repartição Municipal da Educação, Pinto Luciano Zua.
O responsável da Educação em Kalandula referiu que o sector está a registar avanços significativos na região, com a inserção de mais crianças no sistema de ensino e aprendizagem.
De acordo com Pinto Zua, no presente ano lectivo estão matriculados 19.040 alunos, registando-se um aumento de 310, em relação a 2009. Acrescentou que 1.337 crianças em idade escolar estão fora do sistema de ensino, por falta de professores e de salas de aulas.
O responsável municipal da Educação garantiu, no entanto, que esta cifra vai baixar no próximo ano lectivo, devido a admissão de mais 147 professores, que se vão juntar a outros 360.
Kalandula conta com 26 escolas de carácter definitivo, dispondo ainda de salas anexas nas quatro comunas que compõem o município, no caso Kuale, Quinje, Kateco-Kangola, Cota e a sede.
Ao todo, 147 adultos frequentam aulas de alfabetização no município de Calandula, disse Pinto Zua, acrescentando que grande parte dos alfabetizandos são já alunos do I ciclo do ensino secundário. 

Tempo

Multimédia