Províncias

Muitos candidatos para poucas vagas

Venâncio Víctor | Malanje

Mais de 800 candidatos disputam 60 vagas disponíveis, para o próximo ano lectivo, na Faculdade de Medicina da Universidade Lueji a Nkonde, em Malanje, disse ontem o chefe de departamento para os Assuntos Académicos daquela unidade orgânica, que integra a IV Região Académica.

Filipe dos Santos disse que a Faculdade de Medicina   prima por uma formação de qualidade e são satisfatórios os resultados alcançados. "Muitos estudantes são oriundos de outros pontos do país, com o objectivo de frequentarem o curso de medicina em Malanje, dada a visibilidade da faculdade, ai nível nacional e internacional. "
Durante o ano passado frequentaram o curso de medicina 600 estudantes, devendo  colocar, este ano, para o mercado de trabalho cerca de 70 novos médicos, disse o decano da unidade orgânica, Pedro Neto.
Na Escola Superior Politécnica de Malanje (ESPM), adstrita ao Ministério do Ensino Superior, foram inscritos este ano 1.025 candidatos, que disputaram 330 vagas que a instituição tem disponíveis para os períodos laboral e pós laboral.
A Superior Politécnica de Malanje ministra licenciaturas em ciências de Educação, designadamente Matemática, Pedagogia, Sociologia, Psicologia, incluindo o curso de Hotelaria e Turismo, ministrado por docentes cubanos.
O Instituto Superior Politécnico de Malanje (ISPM) possui 250 vagas, das quais 60 para o curso de Enfermagem, Farmácia (40) e Psicologia Clínica (150).

Tempo

Multimédia