Províncias

Município de Caculama tem água potável

Sónia Maria | Caculama

Os habitantes  do município de Caculama passaram a beneficiar, em Janeiro, de água potável, com a criação de vários sistemas de captação, tratamento e abastecimento, numa acção desenvolvida pela administração local.

Para além de novos sistemas de captação e distribuição foram construídos chafarizes
Fotografia: Arimatéia baptista

Os habitantes  do município de Caculama passaram a beneficiar, em Janeiro, de água potável, com a criação de vários sistemas de captação, tratamento e abastecimento, numa acção desenvolvida pela administração local, no quadro do programa do Executivo “Água para todos”, integrado na estratégia que visa a melhoria das condições sociais básicas da população.
Os chafarizes têm capacidade de bombear aproximadamente 25 mil litros cúbicos de água por hora, tendo também sido construída uma conduta de canalização, para permitir o abastecimento das residências da vila.
O empreiteiro, Victor Monteiro, explicou que o projecto vai abranger outras áreas da circunscrição, com o objectivo de garantir o acesso à água potável a todos os munícipes da região.

Rede sanitária em Calandula
 
O administrador municipal de Calandula, Manuel Campos, disse ontem que constam das acções do seu pelouro a melhoria da rede sanitária do município, visando garantir melhor assistência às populações. Em declarações à Angop, o responsável precisou que se prevê a reabilitação dos centros de saúde do município, bem como o recrutamento de mais enfermeiros, tendo em conta o mau estado de conservação de algumas infra-estruturas e o reduzido número de técnicos.
Face à insuficiência de enfermeiros, pretende-se formar promotores ou agentes comunitários, aproveitando-se indivíduos com alguma experiência técnica e nível académico aceitável.

Tempo

Multimédia