Províncias

PNUD apoia planos de desenvolvimento

Francisco Curihingana | Malange

O Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) está a trabalhar em Malange, numa estreita colaboração com o governo provincial, no apoio a programas virados para o desenvolvimento local.

O Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) está a trabalhar em Malange, numa estreita colaboração com o governo provincial, no apoio a programas virados para o desenvolvimento local.
Em Malange, de acordo com o coordenador nacional do PNUD, Sirajo Seidi, aquele órgão das Nações Unidas intervém na efectivação de perfis municipais e planos estratégicos, para além da formação dos administradores municipais e comunais e dos técnicos ligados às áreas de orçamentação, planeamento e gestão.
Neste momento, prosseguiu, estão a imprimir uma nova dinâmica, com o objectivo fundamental de apoiar o desenvolvimento empresarial da província.
O PNUD, ainda de acordo com Sirajo Seidi, trabalha junto das administrações municipais na dinamização dos conselhos de auscultação social, na formação na área de planificação e gestão orçamental, bem como na elaboração dos planos estratégicos e avaliação do grau de empenho em relação à nova dinâmica imprimida no âmbito da lei 18/2010.
No quadro da visita efectuada a Malange por uma missão do PNUD, a representação local beneficiou de uma viatura que vai servir de apoio para as suas zonas de intervenção, nomeadamente o município sede Malange, Cacuso, Kalandula e Caculama.
A missão foi recebida em audiência pelo governador Boaventura Cardoso, um encontro que serviu para a abordagem da actuação daquele órgão das Nações Unidas, virado para o apoio aos programas de desenvolvimento local e que trabalha em Malange desde 2006.

Tempo

Multimédia