Províncias

Xawande tem bombas de combustível

Venâncio Victor | Malanje

O mercado de Xawande, o maior da cidade de Malanje, tem agora duas bombas de combustíveis.

Instalação de bombas de combustível no mercado de Xawande visa descongestionar os postos de abastecimento do centro da cidade
Fotografia: Estanislau Costa

Cada uma tem capacidade para 17.500 litros de gasóleo e igual quantidade de gasolina. O responsável do posto de abastecimento, Nelson André Morais,  disse que  a iniciativa surge com o objectivo de descongestionar as bombas de combustíveis no centro da cidade.
As bombas de combustível entraram em funcionamento no último trimestre do ano passado e atendem em média 1.500 litros de gasolina por dia, sendo os motociclistas os maiores clientes. Com três trabalhadores cada, as bombas começam a funcionar a partir das seis horas e encerram às 17 horas, disse Nelson Morais. Referiu que o posto de abastecimento é filial da “Boa Viagem” da Sonangol, localizada na Rua da Polícia Militar.
A adesão de clientes tem sido pouca. Daniel Ernesto, 46 anos, louvou a iniciativa porque facilita a vida dos taxistas, que gastam  muito tempo nos postos de abastecimento no centro da cidade.  As bombas do mercado de  Xawande têm pouco movimento e além das motorizadas, os taxistas são os melhores clientes: “ Aqui no interior do mercado podemos abastecer sem problemas”, disse o taxista.
Daniel Ernesto aconselhou os taxistas “ kupapatas” para a necessidade do respeito para com os funcionários e que sejam atendidos com base na ordem de chegada. Como todos querem ser atendidos em primeiro lugar, muitas vezes há confusão. O moto taxista Domingos Pimpão referiu que o surgimento das bombas no mercado de Xawande facilita os moradores na aquisição do produto. A cidade de Malanje conta também com outras bombas no bairro da Vila Matilde, Culamuxito e Kemba.

Tempo

Multimédia