Províncias

Casos de malária baixam no Moxico

José Rufino E Lino Vieira | Luena

Os casos de malária no Hospital Geral do Moxico registaram uma diminuição significativa durante o mês de Agosto, revelou quarta-feira, na cidade do Luena, o chefe de Estatística do Banco de Urgência da instituição clínica.

Sector da Saúde cada vez mais reforçado
Fotografia: Eduardo Pedro

Francisco Gabriel referiu que 192 casos de malária foram registados no mês passado, quando em Julho a instituição diagnosticou um total de 260 pessoas com a doença.
A ausência de chuvas e as campanhas de sensibilização realizadas pela direcção da saúde pública são aspectos que determinaram a redução de casos de paludismo na província, disse Francisco Gabriel, que referiu que para além da malária, o banco de urgência registou ainda, no mês passado, 115 casos de diarreias agudas, 112 casos de febre tifóide, 75 casos de doenças respiratórias agudas, 19 casos de hipertensão arterial e 16 casos de HIV/Sida.
A unidade clínica central do Moxico registou igualmente 15 casos de diabetes, seis casos de anemia e seis casos de traumas resultantes de acidentes de viação.
Ainda no mesmo período, disse Francisco Gabriel, naquele hospital deram entrada 3.052 pacientes com patologias diversas, 1.349 dos quais foram transferidos para outros serviços e 51 faleceram.
O responsável do Banco de Urgência apelou à população para acatar todas as medidas de prevenção sobre o tratamento do lixo e de charcos, para continuarem a evitar a propagação de mosquitos nesta época chuvosa.A direcção clínica do Hospital Geral do Moxico garante que tem as condições médicas e medicamentosas para fazer face aos novos casos que eventualmente possam dar entrada neste período chuvoso.
O responsável salienta que a malária tem sido um dos casos que mais preocupa os técnicos de saúde, por isso, foram tomadas várias medidas para a prevenção da enfermidade.
A direcção da unidade garante que esforços vão continuar a ser envidados para que se evitem mortes em pacientes apoquentados com malária e outras doenças, desde que cheguem de forma atempada.

Escolas nos Bundas

As crianças da comuna de Lutembo, no município de Bundas, e da povoação de Lutuai, em Luchazes, vão estudar agora em melhores condições, com a inauguração ontem de duas escolas, pelo governador do Moxico. A escola inaugurada por João Ernesto dos Santos em Lutembo tem capacidade para 14 salas, e a da povoação de Lutuai conta com dez.

Tempo

Multimédia