Províncias

Comércio rural é um estímulo para agricultores

O governador do Moxico considerou na quinta-feira o comércio rural um estímulo relevante para os camponeses aumentarem a produção agrícola.

João Ernesto dos Santos, que falava no acto de abertura do seminário sobre “Comércio Rural”, que decorre na cidade do Luena, afirmou que o comércio rural incentiva a agricultura comercial, devido à troca entre o campo e a cidade, assim como garante matéria-prima para as indústrias agro-transformadoras.
O governador sugeriu que o processo de compra e venda tenha em conta a qualidade, conservação e embalagem dos produtos, porque muitos bens alimentares perdem valor devido às más condições de higiene e de conservação.
Em relação aos temas agendados, prevê uma maior interacção entre os participantes quanto ao relançamento do comércio rural na província, valorização da produção local, criação de condições para o escoamento e comercialização dos produtos agrícolas.
Temas como a apresentação da proposta de estratégia nacional para o incremento do Programa de Aquisição de Produtos Agro-pecuários e a apresentação da proposta do plano de acção e respectivos eixos, são outros assuntos que constam na agenda do seminário.
Participam no encontro membros do Governo Provincial, administradores municipais, responsáveis da Câmara de Comércio e Indústria.

Tempo

Multimédia