Províncias

Comuna do Lucusse necessita de técnicos

Lino Vieira | Lucusse

O administrador comunal do Lucusse, província do Moxico, João Tchihama, afirmou que a localidade necessita de mais 14 técnicos de saúde, para melhorar a assistência à população.

Centro de saúde da localidade foi reabilitado e apetrechado com meios modernos
Fotografia: Lino Vieira

O administrador comunal do Lucusse, província do Moxico, João Tchihama, afirmou que a localidade necessita de mais 14 técnicos de saúde, para melhorar a assistência à população.
A construção de seis postos médicos em localidades de maior concentração populacional é outra necessidade manifestada pelo administrador João Tchihama.
O chefe de secção da Educação, Jeremias Sahundungo, disse recentemente ao Jornal de Angola que, no ano passado, foram matriculadas 5.053 crianças, da iniciação à 8ª classe e ficaram  fora do sistema normal de ensino 1.430 alunos, por falta de salas. A comuna do Lucusse possui  apenas dez salas de aulas de construção definitiva  e  20 de construção precária, sendo as aulas ministradas por 67 professores.
Para diminuir o défice registado, o responsável defende a construção de 50 salas e a colocação de mais 20 professores, para atender um total de sete mil alunos, previstos para o presente ano lectivo. 
O administrador comunal do Lucusse disse que consta do Programa de Investimentos Públicos e de combate à fome e pobreza, para este ano, a  construção de mais escolas, centros de saúde, postos médicos  e de  outras infra-estruturas de impacto social, sobretudo nas comunidades de difícil acesso.

Tempo

Multimédia