Províncias

Deficientes desmobilizados foram apoiados no Moxico

Mais de 100 portadores de deficiências de guerra, das Forças Armadas Angolanas (FAA), instalados na Região Militar Leste (Moxico), receberam no Luena bens de consumo doados pela Associação de Jovens Angolanos Provenientes da Zâmbia.

Pessoas com deficiência física têm recebido vários apoios da sociedade civil no Moxico
Fotografia: José Soares

Enquadrado nas celebrações do 72º aniversário do Presidente da República e Comandante em Chefe das FAA, José Eduardo dos Santos, o donativo comporta electrodomésticos, muletas canadianas, cadeiras de rodas, cadernos, motorizadas de três rodas, geradores, capacetes e utensílios de cozinha.
O comandante da Região Militar Leste em exercício, brigadeiro Tomás Dias Hilukilua, enalteceu o gesto da associação, uma vez que os bens doados vão ajudar a suprir muitas dificuldades que os deficientes atravessam, sobretudo no que toca aos electrodomésticos.
O brigadeiro Tomás Dias Hilukilua pediu às outras organizações filantrópicas a seguirem o mesmo exemplo, apoiando os compatriotas que contraíram deficiências no cumprimento da defesa da pátria, cuja acção permitiu o alcance da paz, em 2002.
O representante da AJAPRZ - Associação de Jovens Angolanos Provenientes da Zâmbia -, Jorge Gomes, garantiu que a instituição vai continuar a realizar acções idênticas em todo o país, para minimizar as condições de vida dos antigos militares e de pessoas vulneráveis.

Tempo

Multimédia