Províncias

Escola politécnica é aberta no Luena

Kapalo Manuel | Luena

A província do Moxico conta com mais um Instituto Superior Privado, aprovado por decreto do Conselho de Ministros, no dia 28 de Junho do ano em curso, no âmbito do programa de expansão da rede escolar.

Alunos com mais opções na escolha de cursos
Fotografia: Daniel Benjamim | Moxico | Edições Novembro


O Instituto Superior Politécnico Privado do Luena já tem matriculados, numa primeira fase, 473 estudantes, nos cursos de Medicina, Psicologia, Relações Internacionais, Sociologia e Direito.
No acto de baptismo dos caloiros, o Director do Instituto, Afonso Nguinamau, disse que a instituição que dirige tem a missão de difundir conhecimentos, formação de quadros licenciados, capazes de inovar e contribuir no desenvolvimento da sociedade de modo sustentável e credível.
"A nossa visão é preparar quadros com conhecimentos técnicos, científicos e culturais, que contribuam para o crescimento e desenvolvimento da província do Moxico e do país", disse Afonso Nguinamau, acrescentando que essa missão é também da responsabilidade de toda a comunidade académica, incluindo empresários e sociedade civil. O objectivo deste Instituto, acrescentou, é formar e educar, para incutir no homem novo a cultura do “saber ser e fazer”, assegurando os valores de liberdade, democracia, ética, justiça, respeito à identidade e à diversidade.

Tempo

Multimédia