Províncias

Estudantes exibem habilidades na prova

Lino Vieira | Luena Domingos Calucipa | Ondjiva

Mais de 700 alunos de escolas de diferentes subsistemas de ensino a nível da província do Moxico começam a participar, a partir de agora, no Programa Sucesso Escolar e Mérito Estudantil, vulgo “Sábados Académicos”, anunciou ontem a vice-governadora local para os Assuntos Políticos e Sociais.

Actividade faz parte do programa do Executivo que visa estimular a formação e assegurar a qualidade de ensino com base em novos desafios
Fotografia: Arão Martins

Adriana Cacuassa Bento, que falava no Luena, no acto de abertura do referido concurso, promovido pelo secretariado da JMPLA, referiu que a actividade faz parte do programa do Executivo, que visa estimular a formação e assegurar a qualidade de ensino no sentido de enfrentar-se os desafios de um mundo cada vez mais globalizado.
A vice-governadora louvou a iniciativa da JMPLA, salientando que o programa em curso vai, essencialmente,  habilitar de forma multifacetada os participantes, para que possam interagir e manifestar talentos e as experiências adquiridas nos vários níveis de ensino.
Adriana Cacuassa Bento sublinhou que o “Sucesso Escolar e o Mérito Estudantil” é um slogan que foi atribuído ao programa, para inspirar os alunos a continuarem com o ciclo de formação até ao nível superior.
Referiu que um dos grandes objectivos do mesmo é a promoção do desenvolvimento da consciência do indivíduo e dos jovens, em particular, para a responsabilidade da cidadania, do respeito dos valores e símbolos nacionais, da dignidade humana e da conservação e preservação do bem público, com vista à melhoria da qualidade de vida de todos.
O espaço “Sábados Académicos” vai  permitir que os estudantes possam competir entre si e desenvolver o espírito de investigação e pesquisa, mas, também, ajudá-los na descoberta de novas valências.
/>Sucesso escolar

Pelo menos, 680 alunos pertencentes a 15 escolas do II ciclo do ensino secundário do Cunene vão participar na oitava edição do concurso “Sucesso Escolar e Mérito Estudantil”, vulgo “Sábados Académicos”, revelou ontem, em Namacunde, o primeiro secretário provincial da JMPLA.
Crispiniano dos Santos avançou que o concurso, uma iniciativa da organização juvenil do MPLA, tem uma periodicidade de três meses e visa promover o mérito, talento, excelência, patriotismo e ocupar os tempos livres dos jovens, contribuindo para o cumprimento integral do ciclo de formação dos alunos. O primeiro secretário provincial da JMPLA explicou que o evento vai decorrer em três fases, sendo a primeira de nível municipal, a segunda provincial e a última de carácter nacional.
“Com este projecto, pretendemos estimular a dedicação dos alunos aos conteúdos didácticos e ao mesmo tempo procurar desviar a atenção dos jovens em actos maléficos, com destaque para o álcool, delinquência e a prostituição”, salientou o responsável juvenil.
O governador em exercício do Cunene, José do Nascimento Veyelenge, afirmou que o concurso “Sábados Académicos” na província  faz parte também do programa do Governo, que pretende ver melhorado a qualidade do ensino.

Tempo

Multimédia