Províncias

Factores sociais principal causa das gravidezes de adolescentes

O director provincial em exercício da Saúde do Moxico, Tiago Mário, afirmou no sábado, na vila de Lumeje, município da Cameia, Moxico, que os factores sociais biológicos são as principais causas de gravidezes precoces na sociedade.

Ao usar da palavra durante uma palestra sobre “gravidez precoce e suas consequências”, o responsável referiu que há ainda outros motivos de ordem psicológica e emocional, porque as jovens na faixa etária dos 14 aos 18 anos, altura em que aparece a primeira menstruação, começam a dar importância ao acto sexual.
“Elas passam a ter relações sexuais sem o mínimo de cuidado, não olhando para o seu futuro, e sem conhecerem os métodos contraceptivos aconselhados pelos profissionais de saúde, como forma de evitar determinados riscos que ocorrem durante o período de gestação”, alertou.
 Para se evitar casos desta natureza, o director provincial da saúde no Moxico apelou ao diálogo permanente com os filhos, pois, referiu, só assim será possível se evitar o pior. 
Muitos pais, acrescentou o responsável, têm estado admitir cada vez mais que uma filha menor de 18 anos engravide como se fosse algo normal, o que, em seu entender, deviam evitar para garantir um melhor futuro às meninas.
 O baixo de nível de escolaridade de muitas adolescentes representa igualmente um factor que as leva a engravidar, disse Tiago Mário.

Tempo

Multimédia