Províncias

Hospital regista menos óbitos

Os casos de óbito a nível do Hospital Geral do Moxico registaram uma diminuição significativa durante o terceiro trimestre deste ano, revelou ontem, na cidade do Luena, o chefe de estatística do banco de urgência.

Hospital dispõe de condições médicas para fazer face aos novos casos que possam surgir
Fotografia: Estanislau Costa | Chibia

Francisco Gabriel referiu que 78 casos de mortes foram registados no terceiro trimestre, quando no igual período anterior a instituição tinha averbado 135 óbitos.
A ausência das chuvas e as campanhas de sensibilização realizadas pela Direcção Provincial de Saúde Pública são aspectos que determinaram a redução de casos de morte na província, disse Francisco Gabriel. Além de centenas de casos de malária, o banco de urgência registou ainda, no trimestre passado, muitos pacientes com hipertensão arterial, febre tifóide e diarreias agudas.
A principal unidade clínica do Moxico registou igualmente casos de doenças respiratórias agudas e de traumas resultantes de acidentes de viação e de agressão física.
Ainda no mesmo período, de acordo com Francisco Gabriel, deram entrada 5.015 pacientes com patologias diversas, 1.839 dos quais transferidos para outros serviços, e 3.104 receberam alta.  A malária, doenças respiratórias e diarreicas agudas, febre tifóide, hipertensão arterial, diabetes, VIH/Sida, insuficiência cardiovascular e acidentes de viação constituem as principais causas de morte naquele estabelecimento hospitalar. 
 O responsável do banco de urgência apelou à população para acatar todas as medidas de prevenção sobre o tratamento do lixo e de charcos, com vista a evitar a propagação de mosquitos nesta época chuvosa. A instituição clínica tem as condições médicas e medicamentosas para fazer face aos novos casos que eventualmente possam dar entrada neste período, assegurou o responsável da instituição. 
Francisco Gabiel disse que a malária tem sido um dos casos que mais preocupam os técnicos de saúde e apela para que se redobrem os cuidados de prevenção da enfermidade.

Tempo

Multimédia