Províncias

Serviços sanitários estão mais reforçados

Os serviços de saúde nas unidades sanitárias do município do Luena,  Moxico, estão melhor servidos com a entrega de quatro novas ambulância, devidamente equipada,  à Direcção Provincial da saúde pelo governador provincial.

Serviços de assistência médica na província do Moxico melham a olhos vistos
Fotografia: Benjamin Cândido

Duas das ambulâncias destinam-se ao serviço do Hospital Geral e as restantes à maternidade provincial. O director Provincial de Saúde, Higildo Jamba, disse que as ambulâncias facilitam a transferência dos doentes das pequenas para as grandes unidades sanitárias “e dinamizam outras componentes ligadas aos serviços de saúde das periferias”.  O director do Hospital Geral, Rúben Inácio, que também referiu que as ambulâncias vão auxiliar o funcionamento daquela unidade sanitária, sublinhou a entrada em funcionamento das secções de ortopedia, cirurgia, medicina e pediatria, e garantiu que as áreas de hemodiálise e TAC aguardam pela chegada de especialistas para ensinar quadros locais trabalharem com os equipamentos existentes.
 A unidade sanitária, com 250 camas, vai funcionar em sintonia com a Faculdade de Medicina da Universidade José Eduardo dos Santos, que integra a 5ª região Académica. Entre as inovações no hospital constam os serviços de tomografia axial computarizada  (tac), hemodiálise, ortopantografia, estomatologia, otorrinolaringologia e serviços de autópsias.
Na mesma província, jovens universitários manifestaram-se satisfeitos com a escolha da cidade do Luena para acolher entre o próximo dia 23e 1 de Março a 13ª edição do Campo Nacional de Férias de Estudantes Universitário (Canfeu).
Falando à Angop em vésperas da maior manifestação da juventude universitária, os estudantes auguram que a realização do evento resulte em melhorias significativas dos problemas que afligem aquela franja da sociedade.
O estudante da Escola Superior Politécnica do Moxico, Justino da Silva, disse esperar uma digna organização do evento e que os temas a debaterem sustentem os interesses dos participantes.
Domingos Carlos, também estudante da mesma instituição de ensino, desejou que o campo de férias seja um local para troca de experiências entre jovens. Francisco Pensamento defende a introdução inovações neste Canfeu, para superar as anteriores edições realizadas, no que diz respeito à resolução das dificuldades da juventude universitária, criando novas perspectivas para o futuro. A estudante do curso de enfermagem, Isabel Carolina, rambém desejou que os participantes aproveitem o tempo disponível para visitar todas as potencialidades turísticas que a província oferece e cultivar novas amizades.
A 13ª edição do Campo Nacional de Férias dos Estudantes Universitários realiza-se na Casa da Juventude,  na cidade do Luena e destina-se essencialmente virada a debater os principais problemas da juventude angolana. O Canfeu é uma realização anual da JMPLA realiza todos anos. A12ª edição decorreu na província do Cunene subordinado ao lema “Juventude Universitária, Voluntária, Solidária e Patriótica”.

Tempo

Multimédia