Províncias

Munícipes de Capunda solicitam telefonia móvel

O administrador comunal de Capunda, a 55 quilómetros do município de Luquembo, Eduardo do Rosário, disse ontem à Angop, que os munícipes querem os sinais das operadoras de telefonia móvel Unitel e Movicel, com vista a permitir uma comunicação fluida com o país e o resto do mundo.

De acordo com o administrador, a população de Capunda solicita os serviços de telefonia, porquanto a falta dos mesmos tem condicionado o contacto com os familiares localizados na cidade de Malanje e noutros pontos de Angola. Considerou ser urgente a instalação da Unitel e Movicel em Capunda, de modo a evitar que a população percorra longas distâncias para manter comunicação, já que  são obrigados a usar telefones na sede municipal ou arredores de Luquembo.

Tempo

Multimédia