Províncias

Abertos mais postos na região

João Upale | Namibe

Os serviços de Identificação Civil, na província do Namíbe, emitiram  35.957 Bilhetes de Identidade, durante o ano passado, revelou ontem o chefe de departamento do  sector.

Registos nas conservatórias e nas delegações do registo civil vão ser reforçados para que os cidadãos obtenham o Bilhete de Identidade
Fotografia: Afonso Costa | Namibe

Custódio Singui revelou que dos 35.957 bilhetes solicitados e emitidos, pelo menos 22.699 pertencem à pessoas com idades compreendidas entre os seis e os 50 anos, que beneficiaram de isenção, no âmbito do Despacho Presidencial n.º 80, de 5 de Setembro de 2013 e foram   atendidas 9.031 solicitações para a obtenção do registo criminal.
Custódio Singui disse que foram abertos seis postos de atendimento público, sendo dois fixos no Namíbe e os restantes nas sedes municipais da Bibala, Camucuio, Tômbwa e Virei.
“A abertura destes postos nvai ajudar acelerar o processo de registo civil em algumas zonas onde tínhamos muitas dificuldades. ”, esclareceu o responsável.
O chefe de departamento provincial de Identificação Civil disse que foram arrecadados 8.189.720 de kwanzas. Deste valor, três milhões 275.888  de kwanzas da comparticipação de emolumentos destinaram-se aos funcionários, 2.456.916 kwanzas para os cofres do Estado e igual montante para o Cofre Geral da Justiça. Custódio Singui salientou que o Despacho Presidencial n.º 80 está em vigência até 31 de Dezembro deste ano. Em função disso, vai ser reforçda  a melhoria dos registos nas conservatórias e nas delegações do registo civil, para que todos os cidadão obtenham o Bilhete de Identidade.
No caso das  comunas da Lucira e do Bentiaba, o chefe de departamento provincial de Identificação Civil  assegurou que, aproveitando a boa condição da rede viária, vai  operar-se com o camião do sistema “off line” para a recolha dos processos.

Tempo

Multimédia