Províncias

Casos de abusos sexuais são analisados na região

João Upale | Moçâmedes

Um diagnóstico sobre os casos de abusos sexuais a menores a nível da província do Namibe vai ser elaborado e apresentado, nos próximos tempos, por uma comissão multissectorial, a ser criada brevemente, por orientação do governador Carlos Rocha da Cruz.

Abusos sexuais estão em análise na cidade de Moçâmedes
Fotografia: Afonso Costa | Edições Novembro | Namibe

A criação da comissão é resultado de uma recomendação da segunda sessão ordinária do conselho provincial de auscultação e concertação social, para que a mesma se encarregue também de traçar estratégias de sensibilização das comunidades no sentido de travar-se os actos de abuso sexual a menores.
Durante a sessão, os membros do conselho tomaram conhecimento dos resultados do seminário sobre a justiça juvenil, realizado no ano passado, no Namibe, onde se tratou questões relacionadas com o processo de julgado de menores.
No encontro do ano transacto, discutiu-se igualmente a necessidade da criação da comissão tutelar de menores, do conteúdo do comunicado final da quarta conferência nacional sobre a mulher e a violência doméstica. O comunicado da reunião salienta ainda que os membros reflectiram sobre o conteúdo do comunicado final do 27º Conselho Consultivo Alargado do Ministério da Saúde, realizado em Janeiro deste ano, em Moçâmedes, tendo sido informados sobre o recrutamento de 19 médicos e da criação de condições, por parte das administrações municipais, para assegurarem a acomodação dos referidos profissionais.
No encontro, sob orientação do governador Carlos da Rocha Cruz, que visou analisar a situação política, económica e social da província, os membros foram informados sobre o estado actual do Caminho-de-Ferro de Moçâmedes (CFM) e recomendaram à instituição ferroviária para intensificar as campanhas de marketing.

Tempo

Multimédia