Províncias

Chuvas provocam falha de energia no Lubango

Manuel de Sousa | Moçâmedes

A queda de quatro postos de alta tensão de energia eléctrica, na povoação do Bombo, município da Bibala, na Estrada Nacional 280, que liga as províncias do Namibe e Huíla, provocou falha de energia em algumas zonas da cidade do Lubango. O incidente aconteceu devido às fortes chuvas que se abatem sobre a região.

Cidade do Lubango está parcialmente sem energia eléctrica
Fotografia: Edições Novembro

Segundo o chefe do Gabinete de Comunicação e Imagem da Ende no Namibe, Wilson Aikwela, o Lubango, além de receber energia do Namibe, é alimentado também pela Central Hídrica da Matala e mais uma central térmica que está situada na cidade.

“Estamos a fornecer energia no limite das nossas capacidades, pelo que somos obrigados a fazer algumas restrições, principalmente nas horas de ponta, na ordem dos três megawatts”, disse Wilson Aikwela, assegurando que uma equipa técnica está a trabalhar arduamente para solucionar o problema.
“Por estarmos na quadra festiva, o consumo de energia na cidade do Lubango é maior obviamente, pelo que teremos dificuldades para atender as necessidades dos consumidores ”, frisou, para informar que “a queda das torres só afecta o Lubango, porque o Namibe tem as suas centrais, que estão a funcionar a 100 por cento”.
O soba da localidade de Bombo, Rafael Capinge, disse que ventos fortes, acompanhados de chuvas, destruíram barracas de comerciantes, residências e deixaram cerca de 50 pessoas ao relento. “Vivo aqui há 50 anos e nunca vi coisa igual, foi algo devastador”, disse.

Tempo

Multimédia