Províncias

Comissão de Protecção Civil realiza acções de prevenção

João Upale | Namibe

O secretariado executivo da Comissão Provincial de Protecção Civil, em coordenação com a Organização Internacional para as Migrações, realizou, no Namibe, uma palestra sobre a “Coordenação e Gestão de Centros de Acolhimento de Pessoas Deslocadas em Situação de Desastres Naturais”.

A discussão do tema visou conferir maior capacidade às entidades para seguirem regras e padrões internacionais para melhorar os níveis de resposta em situações de calamidades naturais.
A coordenadora do projecto junto da Organização Internacional para as Migrações (OIM), Jeoveth Ferreira, disse que as calamidades naturais constituem cada vez maior preocupação dos Governos e das ­Organizações Internacionais. A Organização Internacional para as Migrações tem como propósito trabalhar com as populações deslocadas pelos desastres naturais.
O secretário executivo da Comissão Provincial de Protecção Civil do Namibe, Alberto Domingos Machado, destacou a importância da gestão de riscos em situações de calamidade,    fundamental para a redução do impacto dos eventos naturais.
O soba grande do Namibe, José Buny, disse que o Namibe não tem capacidade para suportar grandes chuvas e considerou de risco a localidade de Macala, a povoação do Tomé, na comuna de Bentiaba, e Carojamba, comuna da Lucira.
A autoridade tradicional apelou às pessoas para não começarem a construir casas no leito das águas.

Tempo

Multimédia