Províncias

Importância do turismo foi abordada em palestra

Manuel de Sousa | Namibe

O programa de actividades alusivas ao “Dia Mundial do Turismo”, que se assinala a 27 de Setembro, iniciou segunda-feira com a realização de uma palestra, na cidade do Namibe, sobre a “Importância do turismo na diversificação da economia nacional”, dirigida a representantes de restaurantes e similares, membros do Governo, do Conselho de Auscultação e Concertação Social e estudantes.

Ângulo do Namibe onde foram agendadas várias actividades para saudar o dia do turismo
Fotografia: Afonso Costa | Namibe

O director nacional do ordenamento turístico do Ministério do Turismo, Moisés Damião, referiu que o turismo interno tem um forte potencial para se impor como sector de importância estratégica para a economia nacional, capaz de gerar riqueza e emprego.
Moisés Damião destacou as características naturais, climáticas, históricas e económicas dos recursos ­turísticos de Angola que se posicionam de forma privilegiada face a muitos países vizinhos.
 “Os nossos recursos têm particularidades singulares, a flora, a fauna e o deserto são produtos âncora com características específicas, razão por que nós consideramos o nosso produto como um forte potencial para poder posicionar-se no mercado internacional”, disse.
 Adiantou que a criação de escolas regionais de turismo em Luanda, Huíla, Benguela, Huambo e Uíge, o desenvolvimento do turismo interno e externo e a expansão da rede hoteleira a todos os municípios vão contribuir significativamente para a diversificação da economia. O Plano Director do Turismo 2011/2020 prevê a criação de pólos de desenvolvimento turísticos nas localidades de Cabo Ledo, Calandula e Bacia do Okavango, nas províncias de Luanda, Malanje e Cuando Cubango.

Tempo

Multimédia