Províncias

Município do Tômbwa possui mais uma escola

A governadora provincial, Cândida Celeste, inaugurou ontem na vila do Tômbwa uma escola de 12 salas para o I ciclo, com capacidade para 1.150 alunos.

Alunos satisfeitos pelo esforço do governo
Fotografia: Jornal de Angola

A governadora provincial, Cândida Celeste, inaugurou ontem na vila do Tômbwa uma escola de 12 salas para o I ciclo, com capacidade para 1.150 alunos.
Cândida Celeste elogiou as condições da nova escola, notando que possui salas amplas, óptimas carteiras, bons quadros e sublinhou que a mesma vai contribuir em grande medida para a redução do número de crianças fora do sistema de ensino no município.
A governadora garantiu a criação do núcleo do ensino superior na localidade dentro de dois anos, mas defendeu a contínua formação de técnicos médios que o justifiquem, referindo que por ora, a prioridade passa pela formação de docentes e a criação de condições para a sua acomodação.
“É preocupante ver estudantes deslocarem-se para o Lubango em busca de formação superior”, disse. Com o novo estabelecimento de ensino, o município do Tômbwa passa a contar com 13 escolas do I ciclo e uma do II com 20 salas, perfazendo, assim, 150 salas.
Os alunos manifestaram a sua satisfação pelo esforço do governo em colocar as escolas mais próximas das comunidades e mostraram-se dispostos a conservar os estabelecimentos que estão a ser erguidos em todo o município.
Os alunos também solicitaram ao governo provincial a construção de laboratórios, bem como a abertura de um núcleo do ensino superior na cidade do Tômbwa para receber os alunos que anualmente concluem o II ciclo e que pretendem prosseguir a sua formação.
Na localidade do Curoca, também no município do Tômbwa, Cândida Celeste inaugurou um posto policial, cujas obras orçaram em 17 milhões de kwanzas. Paralelamente, foram distribuídas dez chatas a motor a 70 pescadores artesanais organizados numa associação, enquanto para breve está prevista a construção de 30 casas evolutivas.

Tempo

Multimédia