Províncias

Pescadores da Lucira em dificuldades

Manual de Sousa | Namibe

O governador da província do Namibe, Issac dos Anjos, deslocou-se ontem às comunas da Lucira e Bentiaba onde junto das autoridades locais, constatou os projectos em construção, o nível de vida das populações e as principais carências.

Região da Lucira regista níveis baixos de captura devido a escassez de peixe
Fotografia: Dombele Bernardo |

Na comuna da Lucira o governador foi informado sobre os baixos níveis de captura de pescado devido à escassez de peixe, o que obriga a adquirir embarcações equipadas e modernas para os pescadores poderem dar resposta à situação que aflige as populações daquela localidade a nível da captura, congelação e secagem do pescado.
Carlos Simões, gerente da empresa de pesca Lucimar, que opera na Lucira há muitos anos, defende que a principal causa do baixo índice de captura é a falta de pescado. “Temos estado a discutir com o Ministério das Pescas esta questão mas o peixe é escasso por isso a actividade exige mais das nossas embarcações pois elas não estão a corresponder”, disse o empresário.
Para além das novas embarcações para fazer face à actual situação, Carlos Simões apela à formações dos operadores no sentido de ganharem técnicas modernas de captura, para compensarem a fraca captura que se regista neste momento. Ao contrário do que acontece noutras regiões, a comuna da Lucira não é afectada pelo fenómeno das focas, nem há falta de infra-estruturas em terra para a recepção, conservação e comercialização do pescado. Mas precisa de cadeias de frio e mais corrente eléctrica.
A rede comercial de peixe seco tem uma grande dificuldade devido à entrada no mercado do peixe congelado que dá mais segurança os operadores e mais rendimento.
A administração da comuna da Lucira tem seis pescarias das quais três estão em estado deficiente devido ao seu tempo de vida.
A produção agrícola naquela localidade tem vindo a crescer, já que todos os vales do Inamangando, Carujamba e Tumbalunda estão cultivados devido ao impulso dado pelo Crédito Agrícola de Campanha e investimentos por parte da administração do município em tractores e alfaias, para apoiar os camponeses organizados em cooperativas e associações.
Nesta altura estão a dar resultados animadores. O governador Isaac dos Anjos visitou o planalto do Inamangando, zona identificada para o alojamento das populações que vivem em zonas de risco nos vales dos rios. Em Carujamba o governador concluiu que é preciso recuperar a barragem.

Tempo

Multimédia