Províncias

Politécnico necessita dezenas de professores

O Instituto Politécnico "Pascoal Luvualu" necessita para este ano lectivo de 50 professores para as disciplinas de Electricidade, Frio e Climatização, Máquinas e Motores, Informática, Matemática e Língua Portuguesa.

Dezenas de professores concluíram as licenciaturas no Instituto Politécnico do Namibe
Fotografia: Afonso Costa

O Instituto Politécnico "Pascoal Luvualu" necessita para este ano lectivo de 50 professores para as disciplinas de Electricidade, Frio e Climatização, Máquinas e Motores, Informática, Matemática e Língua Portuguesa.
A informação foi prestada na segunda-feira, à Angop, pela sua directora, Cândida João do Carmo Pereira, que esclareceu que os professores são sobretudo para a 12ª classe. "Os nossos estudantes da 12ª classe, assim que terminam o curso, são obrigados a elaborar um projecto com inovações que sirvam para melhorar a cidade do Namibe, como a instalação de rede eléctrica, de informática, ou montagem de equipamentos electrónicos, e para isso é necessário o acompanhamento de engenheiros ou outros especialistas, que não temos", frisou.
Acrescentou que o Instituto Politécnico no Namibe tem disponível para o presente ano lectivo 288 vagas para novos alunos da 10ª classe para os cursos de Electricidade, Informática, Frio e Climatização e Máquinas e Motores, o que vai permitir a abertura de duas turmas em cada especialidade curricular.
Em 2010, a instituição leccionou com alunos do ensino básico, da 7ª à 9ª classe, facto que não vai acontecer este ano, devido ao afluxo de estudantes para o ensino médio. Para o ano lectivo 2011, a instituição prevê matricular mais de 800 estudantes, da 10ª à 12ª classe, contra 647 do ano passado (7ª à 11ª classe). As inscrições para novos alunos já começaram e logo que o processo seja concluído passar-se-á à fase de selecção dos estudantes, dos 14 aos 16 anos de idade, para efectuarem as matrículas. O instituto politécnico tem 16 salas de aulas, 11 laboratórios com equipamentos modernos, 44 professores efectivos e 20 colaboradores.

Tempo

Multimédia