Províncias

População do município do Camucuio passou a dispor de mais equipamentos

O vice-governador para os serviços técnicos e infra-estruturas do Namibe inaugurou na sexta-feira diversos equipamentos sociais, no município do Camucuio.

Novas salas de aulas estão a dar mais dignidade ao ensino dos alunos das escolas primárias daquela municipalidade do Namibe
Fotografia: Jornal de Angola

O vice-governador para os serviços técnicos e infra-estruturas do Namibe inaugurou na sexta-feira diversos equipamentos sociais, no município do Camucuio.
Na localidade do Caluvundo, António Correia inaugurou uma escola do primeiro nível com quatro salas e uma casa T2 para acomodação dos professores.
Em Tchikambi, o vice-governador inaugurou um posto de saúde e a residência do enfermeiro, totalmente apetrechados. A referida unidade sanitária foi ampliada e reabilitada, no âmbito do Programa Municipal de Combate à Pobreza, e conta agora com uma sala de partos, outra de observação com duas camas e uma terceira de tratamento, além de um consultório e uma área destinada ao Programa Alargado de Vacinação (PAV).
O chefe da repartição municipal da Saúde, João Mudiambo, realçou a importância do empreendimento para a população, uma vez que a localidade não dispunha de uma unidade com condições modernas para efectuar partos.
“Os partos eram feitos de forma precária, pondo muitas vezes em risco a vida das mães e dos bebés”, salientou João Mudiambo, referindo que com a abertura do posto de saúde de Tchikambi fica concluído o programa de expansão dos serviços sanitários em todas as localidades do município. O vice-governador tranquilizou a população do Tchikambi, que tem pedido uma escola de construção definitiva, ao garantir que, dentro em breve, as crianças da localidade vão deixar de estudar debaixo de árvores e passar a frequentar uma instituição de ensino condigna.

Apoio aos camponeses

António Correia, que ofereceu instrumentos agrícolas, como enxadas e catanas, aos camponeses locais, disse que o objectivo do Executivo continua a ser o combate à pobreza.  Mas como o desenvolvimento humano passa necessariamente pela educação, expressou o desejo de que a escola agora inaugurada possa, no futuro, formar muitos engenheiros agrónomos e de construção civil, que possam ajudar a desenvolver, em particular, a localidade.

Outras obras

O vice-governador para os serviços técnicos e infra-estruturas aproveitou o momento para verificar o grau de cumprimento de outros empreendimentos em construção no Camucuio, como a mediateca, a biblioteca, as 200 residências e outras 16 casas evolutivas. António Correia visitou ainda ao Balcão Único do Empreendedor (BUE) e o Centro de Produção da Comunicação Social, que possui salas para a TPA, RNA, Angop e Edições Novembro. A sua população, calculada em 180 mil habitantes, dedica-se na sua maioria à criação de gado e à agricultura, sectores que, este ano, foram fortemente afectados pela seca. Para resolver a situação, o Governo Provincial já traçou um plano, que tem incidido na reabilitação das vias de acesso, através da Bibala e da Lucira.

Tempo

Multimédia