Províncias

Proibida a partir de hoje a venda na via pública

João Upale | Namibe

A venda ambulante na cidade do Namibe está proibida a partir de hoje nas ruas ou em locais não autorizados e os prevaricadores vão ser responsabilizados criminalmente, advertiu o administrador municipal.

Fotografia: Jornal de Angola

Armando Valente afirmou que o Governo Provincial do Namibe não é contra a venda ambulante, mas que “é preciso que os comerciantes se organizem para poderem exercer a actividade”.
O administrador do Namibe salientou a importância dos jovens adquirirem formação para com mais facilidade conseguirem emprego e integração social.
O Governo Provincial do Namibe, referiu, continua a incentivar os jovens vendedores a aderirem a associações juvenis e grupos devidamente organizados a quem se atribui uma determinada actividade que deve ser praticada em locais previamente concebidos para isso. A venda ambulante, afirmou o responsável, é para as zungueiras que percorrem a cidade a vender produtos agrícolas e não para os que criam pracinhas não autorizadas com produtos industriais em qualquer rua ou esquina.
O administrador do Namibecriticou a concentração de vendedores ambulantes defronte a bancos, hospitais, bombas de combustível e outros locais de aglomeração de pessoas com produtos que devem comercializados em lojas devidamente licenciadas.
As autoridades municipais vão pedir aos vendedores ambulantes que abandonem as ruas e procurem criar estabelecimentos comerciais legais, pagando impostos e com garantia de protecção.
Armando Valente anunciou para breve a ampliação do mercado informal 5 de Abril, onde vão ser criadas condições para os vendedores de rua terem espaços para exercerem a actividade comercial.
A medida, segundo o responsável, não abrange as mulheres vendedoras de hortaliças e frutas.

Tempo

Multimédia