Províncias

Projecto imobiliário no deserto

Manuel de Sousa |

A empresa Rienk construção e engenharia lançou na quarta-feira, na província do Namibe, um projecto imobiliário denominado “Welwitschia, meu sonho, minha casa” para a construção de 500 residências sociais.

Modelos de casas sociais que estão a ser construídas na província do Namibe
Fotografia: Afonso Costa|Namibe

A empresa Rienk construção e engenharia lançou na quarta-feira, na província do Namibe, um projecto imobiliário denominado “Welwitschia, meu sonho, minha casa” para a construção de 500 residências sociais.
A governadora da província do Namibe, Cândida Celeste, efectuou o lançamento da primeira pedra do projecto que será responsável pelo desenvolvimento integrado e a construção de uma parcela de 50 hectares no bairro 5 de Abril.
De acordo com o vice-presidente da empresa construtora, Adriano Cristóvão, a primeira fase do projecto prevê a construção de 500 casas de tipologia T3 e T4, que vão ser erguidas em áreas que variam entre 100 e 130 metros quadrados.
O empreendimento Welwitschia foi concebido para construir uma nova cidade no deserto, com todas as condições dos centros urbanos, com casas de média e baixa renda, com o objectivo de beneficiar a população.
Adriano Cristóvão disse que o projecto inclui a construção de infra-estruturas públicas estratégicas e estruturantes. “O projecto foi pensado com todos os pormenores exteriores e interiores, de forma a satisfazer as necessidades dos utentes, proporcionar qualidade de vida e criar um foco de expansão para a área”. Garantiu que o programa habitacional dá oportunidade às pessoas que pretendem viver longe da agitação das grandes cidades sem perder o conforto e a comodidade que o seu estilo de vida exige.
O projecto vai criar postos de trabalho e vai ser executado por técnicos locais. “Vamos, antes disso, dar formação básica aos trabalhadores. Temos dois objectivos: criação de postos de trabalho e construção de casas para a população”, disse.

Tempo

Multimédia