Províncias

Rádio provincial do Namibe aposta na extensão do sinal

Vladimir Prata | Namibe

A Rádio Nacional de Angola está a desenvolver um plano de expansão do seu sinal a todas as localidades da província do Namibe, depois de chegar às comunas da Lucira e do Bentiaba, informou o director da emissora provincial.

Jerónimo Gonçalves disse que os trabalhos chegaram também ao município do Camucuio, que dista 341 quilómetros da cidade capital, e ao município da Bibala, a 188 quilómetros da sede da província, onde estão a ser montadas antenas para garantir uma melhor qualidade na recepção.
Os trabalhos decorrem no Camucuio com a montagem de emissores e de uma antena de 40 metros. O mesmo vai ser feito no município da Bibala, onde existe já um centro de produção que garante uma emissão local.
A Rádio Namibe trabalha com 70 trabalhadores apenas na sede da província, dos quais 60 são efectivos e os restantes colaboradores eventuais.
Na cidade capital, para além da sede, onde funciona a redacção, conta com um centro emissor, onde está concentrado todo equipamento técnico.
Conta ainda com uma rádio regional no município do Tombwa, com 16 trabalhadores e com um raio de acção de 50 quilómetros e que, de acordo com Jerónimo Gonçalves, deve ser ampliado nos próximos tempos.As comunas da Lucira e do Bentiaba, no município sede, contam com dois repetidores. No município do Virei há um centro de produção com equipamentos em condições para emitir, mas, de acordo com o director provincial da Rádio Namibe, faltam quadros para os colocarem em funcionamento.
 “Estamos a estudar se arrancamos com todos estes centros de produção ou se primeiro vamos potenciar os emissores da Rádio Namibe, para garantir que o nosso sinal chegue a estas localidades”, disse.
A província do Namibe passou a ouvir também a Rádio FM Stereo, “Apesar de ser uma rádio que só toca música, muitas pessoas preferem relaxar ouvindo boa música”, disse.
A Rádio Namibe programou actividades para comemorar o 38º aniversário da Rádio Nacional de Angola, com destaque para a realização de uma gala.
O programa começou com a plantação de árvores no centro emissor localizado na sede da província e visitas às várias instituições públicas. Está prevista a realização de uma palestra onde vão ser abordados assuntos ligados ao 5 de Outubro, dia da Rádio Nacional  de Angola (RNA).
O ponto mais alto das actividades é a realização da segunda gala do projecto “Gentes e Música”, lançado pela emissora com o objectivo de premiar novos talentos da música angolana. Oito concorrentes vão disputar as três vagas para a grande final.

Tempo

Multimédia