Províncias

Virei continua na rota do desenvolvimento

João Upale | Virei

O município do Virei necessita de pelo menos 120 furos de água, para colmatar a falta do líquido. A administradora municipal, Juliana Fonseca, revelou o facto à imprensa, à margem da visita de três dias à sua jurisdição, do governador do Namibe, Rui Falcão.

Momento em que o governador Rui Falcão e a administradora Juliana Fonseca inauguravam mais um sistema de distribuição de água
Fotografia: Afonso Costa| Virei

Juliana Fonseca assegurou que o seu município possui, nesse momento, 12 bombas para a recuperação de furos inactivos.
A construção de mais escolas e postos médicos, casas para os quadros, chimpacas, bebedouros para o gado e abastecimento da população, assim como a reparação das vias de comunicação, continuam a ser prioridades da administração, segundo Juliana Fonseca.
Juliana Fonseca garante continuar a sensibilizar as populações para a prática da agricultura familiar, embora a região esteja assolada pela catástrofe da seca, devido à falta de chuva.
Nesta região, de acordo com a administradora do Virei, o trabalho já teve início com o levantamento das bombas volantes avariadas e das zonas que ainda precisam da abertura de novos pontos de água.
Juliana Fonseca referiu que a visita que o governador da província efectuou pela primeira vez ao Virei permitiu constatar as realizações já efectuadas e  a consolidar o levantamento dos principais problemas que ainda afligem as populações.
O governador da província, que trabalhou durante três dias no município, afirmou que o seu Governo está a trabalhar para resolver os inúmeros problemas que afectam a  referida localidade.

Respostas do governador

No entender de Rui Falcão, as autoridades garantem que vão resolver o problema da falta de água. “Em 2017, aqui não pode haver mais falta de água”, disse, prometendo um redobrado trabalho.
 “No Virei, são necessários cerca de 120 furos. Não é um desafio fácil, mas o que dignifica o homem é o trabalho e nós vamos continuar a trabalhar”, disse o responsável.
Referiu que é preciso também levar energia eléctrica aos domicílios, instalar rede de comunicações, bem como reparar as estradas e construir mais casas, entre outras necessidades. O governador provincial mostrou-se desapontado com algumas empresas que não honram os compromissos assumidos nos contratos, para a conclusão das obras adjudicadas.
Virei é uma terra de lugares exóticos, bonitos e únicos, como o local das águas termais da Tipa e Pediva, ou ainda as pinturas rupestres do Tchitundu-hulo e tantas outras.

Tempo

Multimédia