Províncias

Obras de requalificação beneficiam a população

Bernardo Capita | Cabinda

O bairro Comandante Gika, um dos mais populosos da cidade de Cabinda, beneficia de obras de requalificação, com vista a melhorar a qualidade de vida dos habitantes.

Autoridades da província apostadas em reabilitar as vias para torná-las mais seguras
Fotografia: António Soares | Edições Novembro

O governo da província de Cabinda, no âmbito do programa de requalificação da cidade, estabeleceu o bairro Comandante Gika como zona de experiência-piloto. Nesta área, estão a ser executadas importantes obras socais, como a construção de um mercado e do centro de artes e ofícios, além da reparação das vias rodoviárias.
No bairro Comandante Gika foi aberta uma nova rua que liga a administração municipal à paragem do yabi. A obra inclui a construção de muros de retenção de terras, infra-estruturas eléctricas e hidráulicas.
A governadora provincial, Aldina da Lomba, disse que a obra custa ao Estado mais de um  bilião de kwanzas, recordando que os trabalhos de requalificação tiveram início em 2013, com o realojamento de mais de 200 famílias que viviam em condições de risco.
Aldina da Lomba indicou que o programa de requalificação prevê ainda a construção de estruturas comerciais para acomodar condignamente a população que se dedica à actividade mercantil, garantindo a preservação da qualidade dos alimentos comercializados.
“A ideia é expandir a cidade de Cabinda e o bairro Comandante Gika foi o primeiro a ser escolhido como experiência-piloto, em função do programa que pretendemos também implementar em outras zonas”, disse a governadora.
Aldina da Lomba considera que o crescimento desorganizado deve ser rapidamente corrigido, para permitir a instalação de serviços sociais.
O coordenador geral do bairro Comandante Gika, Francisco Tati, manifestou-se satisfeito com as obras de requalificação que estão a ser desenvolvidas pelo Governo da província, no sentido melhorar as condições de vida das populações.
Disse ser importante a criação de outros projectos.

Tempo

Multimédia