Províncias

Pescadores querem celeridade na reposição da ponte cais

Pescadores no município do Nzeto, província do Zaire,  manifestaram ao Ministério das Pescas e do Mar a necessidade de se  trabalhar na reposição urgente da ponte-cais inaugurada em Maio de 2017, devido ao seu estado avançado de degradação.

Fotografia: Vigas da Purificação | Edições Novembro

Abordado pela Angop, o vice-presidente da associação das cooperativas dos pescadores do Nzeto, António Seka, afirmou
que a  estrutura, construída em madeira, está a ser corroída, desde o segundo semestre de 2017,
por insectos marinhos, destruindo os pilares da ponte.
Segundo António Seka, os insectos roem os pilares da ponte, tendo provocado o desabamento de uma parte da  estrutura. A situação já foi reportada ao ministério de tutela para uma solução.
Frente a esta situação, que se arrasta desde 2017, em Janeiro último o Ministério das Pescas e do Mar enviou uma equipa técnica que avaliou o estado actual da mesma, tendo concluído a necessidade da sua substituição para uma outra de betão armado.

Tempo

Multimédia