Províncias

Polícia desmantela grupo de marginais

Victor Mayala | Soyo

Um grupo de supostos marginais denominado “Os Yang-Black”, constituído por nove elementos, que actuava particularmente na periferia da cidade de Mbanza Kongo, província do Zaire, foi ontem desmantelado pela Polícia.

Fotografia: DR

Segundo uma nota do Comando Provincial da Polícia, assinada pelo porta-voz, inspector-chefe Luís Bernardo, os supostos marginais praticavam roubos e acções de vandalismo preferencialmente no bairro Martins Kiditu e nas zonas adjacentes.

O desmantelamento do grupo, refere a nota, foi possível graças a uma denúncia de moradores do referido bairro, quando estes realizavam uma acção de distúrbios numa das residências, onde tentaram raptar uma menina, presumivelmente para ajuste de contas com o seu pai. O documento informa que os indiciados já foram presentes ao Ministério Público, onde o processo decorre os trâmites normais.

Na mesma nota, a Polícia informa que foram ainda detidos outros cidadãos nacionais envolvidos em vários crimes nos municípios de Mbanza Kongo, Soyo e Nóqui, entre os quais um jovem de 20 anos de idade, que se dedicava ao furto de motorizadas na via pública no Soyo, e um funcionário da construtora An-global, por ter subtraído, do estaleiro onde trabalha, cabos eléctricos e peças de máquinas industriais.

A corporação registou ainda em Mbanza Kongo quatro crimes de ofensas corporais voluntárias, resultantes de desentendimentos passionais e de negócios, tendo alguns dos contendores sofrido ferimentos graves.

Tempo

Multimédia