Províncias

População do Songo vive dias melhores

Habitantes do município do Songo, província do Uíge, consideraram positivas as acções desenvolvidas pelo Executivo em 2012, tendo em conta a construção de novas infra-estruturas sociais que estão a melhorar as condições de vida da população.

Habitantes do município do Songo, província do Uíge, consideraram positivas as acções desenvolvidas pelo Executivo em 2012, tendo em conta a construção de novas infra-estruturas sociais que estão a melhorar as condições de vida da população.
Numa ronda efectuada pela Angop por várias artérias da Vila do Songo, os munícipes disseram estar satisfeitos pelo número de empreendimentos construídos, tanto no sector da saúde e educação, como no agrícola.
O professor Alberto Francisco admitiu que o resultado alcançado na região se deveu ao Programa de Combate à Fome e à Pobreza em curso, gizado pelo Executivo, que está a permitir a construção de escolas, hospitais, reabilitação de estradas e pontes, e a aquisição de materiais para a produção agrícola.
Para a enfermeira Rosa Nsuzi Esperança, antigamente a assistência médica da população era débil, mas hoje, com a construção de um Hospital Municipal de referência e vários centros  de saúde e postos médicos espalhados pelas aldeias, os habitantes são bem atendidos e as diversas unidades possuem fármacos essenciais suficientes.
O soba da aldeia do  Quipumba-Loé, Fernando Manuel Fernando, sublinhou que, ao longo do ano em curso, vários projectos de impactos sociais foram realizados nas diversas localidades da circunscrição do Songo, augurando que outras acções podem vir a ser implementadas nos próximos anos para alegria da população. 

Tempo

Multimédia