Províncias

Programa de urbanização das reservas em fase de concretização em municípios

Joaquim Aguiar | Dundo

O director provincial do Ordenamento do Território, Urbanismo, e Ambiente da Lunda-Norte afirmou, ontem, que o plano de urbanização das reservas fundiárias está a ser realizado com êxito nos municípios do Chitato e Cuango.

Construção de casas avança no país
Fotografia: Kindala Manuel

O director provincial do Ordenamento do Território, Urbanismo, e Ambiente da Lunda-Norte afirmou, ontem, que o plano de urbanização das reservas fundiárias está a ser realizado com êxito nos municípios do Chitato e Cuango.
Fernando Bárber garantiu que os trabalhos de desmatação e terraplanagem dos 300 hectares de terra, que se destinam a autoconstrução dirigida, estão praticamente na fase final. A execução da segunda fase do plano de urbanização no município do Cuango, que consiste na abertura de arruamentos e definição dos lotes, disse, depende, agora, da disponibilidade dos recursos financeiros.
Quanto ao município do Chitato, reconhecu, o processo de desmatação está ligeiramente atrasado devido à chuva que tem caído na cidade do Dundo, que estrangula e à dispensa dos trabalhadores expatriados para passarem o Natal com as famílias.
Fernando Bárber declarou que o governo provincial está a trabalhar para que as primeiras parcelas de terra para autoconstrução dirigida sejam distribuídas à população no primeiro semestre de 2010. O programa de autoconstrução dirigida, afiançou, é uma prioridade do governo da Lunda Norte. O plano de urbanização das reservas fundiárias do município do Chitato deve estar concluído em Fevereiro de 2010.
Joanes Gonzalez, da empresa responsável pelo projecto, afirmou que “o plano de urbanização do município do Chitato obedece às normas internacionais de construção civil e abarca um conjunto de infra-estruturas, como sistemas de esgoto, canalização de água, energia eléctrica”. O plano, frisou, define, também, as áreas para a construção de infra-estruturas sociais, administrativas e económicas.

Milhares de casas vão ser construídas até 2012

No âmbito do Programa Nacional de Urbanização e Habitação vão ser construídas, na Lunda- Norte, 4.250 casas, que beneficiar mais de 3.800 famílias.
A execução prática, disse Gonzalez, está em curso, com a construção de dois condomínios, com 35 casas, ao todo, tipo T2 e T3 para funcionários do governo provincial e da administração municipal do Chitato.
Fernando Bárber afirmou que, além das iniciativas do governo provincial, há parcerias público privadas ou processos de cooperativas que vão, igualmente, contribuir para a concretização das metas do programa local de habitação e urbanização.
Agradeceu a aprovação, pelo Governo, do plano que visa a construção da nova cidade do Dundo, que vai dispor de infra-estruturas modernas. O projecto, referiu, vai ser executado pelo Gabinete de Reconstrução Nacional, estando previsto a construção, até 2020, de 20 mil apartamentos e a instalação de vários serviços sociais, administrativos e económicos.

Tempo

Multimédia